BlogEscolaComo preparar a escola para um novo ano letivo?

Como preparar a escola para um novo ano letivo?

Iniciar bem um novo ano letivo é muito importante para que as atividades da gestão escolar e da equipe pedagógica sejam desenvolvidas de forma tranquila. Para isso, a escola deve se preparar com antecedência 

Isso é especialmente relevante quando consideramos que, durante o período escolar, a instituição enfrenta diversos desafios que poderiam ser evitados com organização e planejamento antes do início das aulas. Com um bom plano, é possível evitar imprevistos e assim alcançar melhores resultados. 

Confira 3 pontos de atenção que vão ajudar a sua escola a se preparar para um novo ano letivoContinue lendo!

Fazer um planejamento escolar

O primeiro passo para a escola se preparar para um novo ano letivo é elaborar um planejamento escolar, que deve ser feito ainda no segundo semestre do ano anterior. Nesse planejamento, um aspecto importante é analisar os resultados práticos e pedagógicos do último ano, além de determinar o que funcionou e o que deve ser modificado. 

Tal estratégia tem como objetivo traçar os objetivos que a escola quer alcançar no ciclo que vai se iniciar. Trata-se também de um método essencial para trabalhar melhor com a gestão do tempo, com as metodologias de ensino e com a organização das atividades.  

Vale ressaltar que o planejamento escolar não envolve somente as atividades pedagógicas previstas no calendário, mas também ações como a manutenção e reforma das estruturas físicas da instituição. Realizar melhorias necessárias nas salas de aula, nos banheiros, nas quadras esportivas, entre outros locais, considerando os recursos financeiros disponíveis, são atividades para as quais a escola precisa se preparar com antecedência. 

 Envolver professores e colaboradores 

Um ponto importante que deve ser considerado ao preparar a escola para o novo ano letivo diz respeito à equipe pedagógica. Nesse sentido, é preciso prever a oferta de treinamentos e formação continuada para os professores e colaboradores.  

É bastante comum, no início do ano, receber muitos pais e responsáveis no ambiente escolar, principalmente devido à campanha de matrículas. Nesse momento, é fundamental que os professores e colaboradores estejam preparados para esse contato, prontos para responder dúvidas e agir sempre com empatia e cordialidade.  

Além disso, o gestor tem o papel de incentivar a participação de todos na criação do planejamento escolar. Uma boa prática nesse sentido consiste em, por exemplo, realizar reuniões para estabelecer as tarefas e prazos de cada um e aproveitar o momento para receber feedbacks. Dessa forma, é possível mapear as necessidades dos docentes e identificar pontos positivos da escola, bem como aspectos que devem ser melhorados. 

A gestão escolar também precisa garantir que todos estejam alinhados com a missão, os valores e o plano de ação instituídos no Projeto Político Pedagógico (PPP) ou Projeto Pedagógico (PP). Portanto, uma opção é reservar um momento para que toda a equipe trabalhe em conjunto para a criação ou revisão desse documento, o que pode contribuir para a motivação e engajamento geral.  

Implementar novas tecnologias 

Com a adoção de novas tecnologias, a escola pode se beneficiar ao automatizar alguns de seus processos. No entanto, a implementação de ferramentas tecnológicas não deve se restringir somente às práticas pedagógicas. Ela também deve contribuir com as atividades da gestão escolar. 

Hoje as ferramentas digitais contribuem para a administração da instituição de diversas maneiras, sendo algumas delas: 

  • Eliminar os problemas de logística envolvidos na venda do material didático; 
  • Ajudar na criação do planejamento escolar; 
  • Prevenir a inadimplência no pagamento das mensalidades; 
  • Criar relatórios dos balanços financeiros da escola; 
  • Garantir uma comunicação com as famílias dos alunos mais eficiente. 

O mundo digital está cada vez mais presente no dia a dia das pessoas e na educação não deve ser diferente. A tecnologia deve ser explorada para possibilitar que a escola se destaque, conquistando a satisfação dos alunos e de seus responsáveis. Dessa forma, a retenção e a captação de novos estudantes melhoram como consequência. 

Sendo assim, as ferramentas digitais podem ser diferenciais para a escola na aquisição de novos alunos. Saiba como o pH utiliza a tecnologia nesse material completo: